18 de abril de 2011

Movimentos na web 2.0



Depois de ficar horrorizado com os acontecimentos homofóbicos nos últimos meses, fiquei feliz por ver a campanha #EuSouGay lançada recentemente. O vídeo abaixo explica um pouco o que é o projeto..



Participar é bem simples.. basta enviar uma foto sua com uma placa, papel ou qualquer coisa do gênero escrito #EuSouGay. Não, você não precisa ser gay para participar, afinal, não é um "outing" coletivo.. A ideia é mostrar que você apoia o movimento e repudia a homofobia. Apenas isto. Com as fotos, eles vão criar um vídeo e divulgar pela internet.

site explica detalhadamente a ideia do projeto.. ele ainda é um pouco novo e tem pouco conteúdo mas imagino (e espero) que em pouco tempo ele passe a bombar.. E, para ajudar na divulgação, resolvi colocar este post aqui, mesmo que não tenha muito a ver com o conteúdo do moda 2.0.

Lá no site, pude ler o que motivou o projeto e fiquei bem chateado em ver como coisas horrorosas ainda acontecem num mundo rico de informações como o nosso. Abaixo, reproduzo o texto que explica o início da ação:

"Adriele Camacho de Almeida, 16 anos, foi encontrada morta na pequena cidade de Itarumã, Goiás, no último dia 6. O fazendeiro Cláudio Roberto de Assis, 36 anos, e seus dois filhos, um de 17 e outro de 13 anos, estão detidos e são acusados do assassinato. Segundo o delegado, o crime é de homofobia. Adriele era namorada da filha do fazendeiro que nunca admitiu o relacionamento das duas. E ainda que essa suspeita não se prove verdade, é preciso dizer algo.
Eu conhecia Adriele Camacho de Almeida. E você conhecia também. Porque Adriele somos nós. Assim, com sua morte, morremos um pouco. A menina que aos 16 anos foi, segundo testemunhas, ameaçada de morte e assassinada por namorar uma outra menina, é aquela carta de amor que você teve vergonha de entregar, é o sorriso discreto que veio depois daquele olhar cruzado, é o telefonema que não queríamos desligar. É cada vez mais difícil acreditar, mas tudo indica que Adriele foi vítima de um crime de ódio porque, vulnerável como todos nós, estava amando." (extraído de projetoeusougay.wordpress.com)



Quem me conhece sabe como eu fico irritado com estas questões de homofobia e fico revoltado em ver como ainda existem pessoas tão intolerantes e ignorantes.. E realmente a única coisa que podemos fazer é manifestar nossa indignação e reforçar a "liberdade na vida" (este era o slogan do IG: "liberdade na internet, liberdade na vida" quando patrocinou a parada gay em 2002... tirei do baú esta...rsrs).

Mesmo assim, fiquei feliz em ver nos últimos dias vídeos que estão se tornando populares na web e que, de uma outra maneira, mostram o outro lado da moeda, uma sociedade cada vez mais aberta e tolerante :)

Neste vídeo um grupo de adolescentes assiste a uma declaração de amor gay feita em frente a um colégio em Belo Horizonte. Tá certo que é superbreguinha contratar um carro de som com apresentador para se declarar na frente de TODOS mas não tem como não achar fofo os amiguinhos gritando "beija, beija" e ficar admirado pela coragem destes meninos... Fora o momento meio Glee com a Beyoncé cantando no fundo :






Também adorei o post da Katylene falando do vídeo do menino dançando Lady Gaga na loja da Apple. O vídeo já foi noticiado em diversos blogs e amei a forma como foi apresentado no blog da Katylene, de forma leve e engraçada...A crítica com humor é sempre mais refinada e interessante...

Já enviei a minha fotinho para participar do vídeo.. envia a sua tb para projetoeusougay@gmail.com


Cheers !!

Nenhum comentário:

Postar um comentário